terça-feira, 7 de setembro de 2010

Vamos Deixar Disso Então ?????



Não tente me provocar, a sua raiva não me aborrece, só me preocupa, porque a raiva vai adoecer você...
Não procure me ofender, eu cresci o bastante pra não ter mais dúvida sobre mim mesma.
Não me chame pra briga, que eu não vou atender.
O meu tempo é precioso e nele não cabem desavenças.
Se você não gosta de mim e quer brigar, eu entendo, mas não conte comigo.
Eu estou ocupada sendo feliz.
Se você gosta de mim e quer brigar, eu não entendo, mas aceito...
Só presta atenção pra não me magoar. Isso, sim, me entristece.
Vamos deixar disso, então.
Já briguei muito, já magoei, já ofendi...
Mas não fiquei nem um pouquinho melhor com isso.
Venho me curando da vontade de brigar, desde que aprendi a calar.
Então, se você gritar, só vai escutar o meu silêncio.
Se seguir ofendendo, eu me retiro.
Se insistir na raiva, que pena...
Só você vai sofrer.
Ok, pode dar a última palavra, ganhe a disputa!
Eu não me importo de ceder a vez.
Eu escolho viver em paz.
Vamos deixar disso, então?

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Ser Feliz é Correr Riscos


Feliz é aquele que saboreia quando come, enxerga quando olha, dorme quando deita, compreende quando reflete, aceita-se e aceita a vida como ela é.

Há quem diga que felicidade depende, antes de tudo, de bastar-se a si próprio; de não depender de ajuda, de opinião e, sobretudo, de não se deixar influenciar por ninguém.

Será mesmo? Você pode imaginar uma pessoa assim?

Lao Tzé dizia: "Grande amor, grande sofrimento; pequeno amor, pequeno sofrimento; não amor, não sofrimento".

Pode imaginar você um ser humano sem paixão, sem desejos? A felicidade, entendida assim, não seria apenas um engôdo, algo contra a natureza humana?

Evidentemente! Sem amor, sem paixão, que sentido teria a existência?

A felicidade é proporcional ao risco que se corre. Quem se protege contra o sofrimento, protege-se contra a felicidade.

Quem se torna invulnerável, torna sem sentido a existência.

O homem feliz aceita ser vulnerável. O homem feliz aceita depender dos outros, mesmo pondo em risco sua própria felicidade.

É a condição do amor e de todas as relações humanas, sem o que a vida não teria sentido!!!

sábado, 24 de abril de 2010

Liberdade


SER E FAZER implicam em liberdade. A condição primordial da ação é a liberdade. Liberdade é essencialmente capacidade de escolha. Onde não existe escolha, não há liberdade. O homem faz escolhas da manhã à noite e se responsabiliza por elas assumindo seus riscos (vitórias ou derrotas). Escolhe roupas, amigos, amores, filmes, músicas, profissões... A escolha sempre supõe duas ou mais alternativas; com uma só opção não existe escolha nem liberdade.

As escolhas nem sempre são fáceis e simples. Escolher é optar por uma alternativa e renunciar à outra ou às outras.
Não existe liberdade zero ou nula. Por mais escravizada que se ache uma pessoa, sempre lhe sobra algum poder de escolha. Também não há liberdade infinita, ninguém pode escolher tudo.
Na facticidade somos limitados, determinados. Um ótimo exemplo nos é dado por Luís Fernando Veríssimo quando descreve: "poderia se dizer que livre, livre mesmo, é quem decide de uma hora para outra que naquela noite quer jantar em Paris e pega um avião. Mas, mesmo este depende de estar com o passaporte em dia e encontrar lugar no avião. E nunca escapará da dura realidade de que só chegará em Paris para o almoço do dia seguinte. O planeta tem seus protocolos".
Contra o senso comum "ser-livre" não significa "obter o que se quis", mas sim "determinar-se por si mesmo a querer" (no sentido de escolher). O êxito não importa em absoluto à liberdade. O conceito técnico e filosófico de liberdade significa: autonomia de escolha, não fazendo distinção entre intenção e ato.

O ato livre é, necessariamente, um ato pelo qual se deve responder e responsabilizar-se. Porque sou livre tenho que assumir as conseqüências de minhas ações e omissões.
Os animais irracionais não são livres, não são responsáveis pelo que fazem ou deixam de fazer. Ninguém pode condenar um cavalo que lhe deu um coice. O animal não faz o que quer e sim o que precisa ou o que se encontra determinado pelo instinto de sobrevivência para que continue existindo.

A liberdade não é alguma coisa que é dada, mas resulta de um projeto de ação. É uma árdua tarefa cujos desafios nem sempre são suportados pelo homem, daí resultando os riscos de perda de liberdade pelo homem que se acomoda não lutando para obtê-la.

segunda-feira, 12 de abril de 2010

IMPULSO


"Se impulso fosse garantia de sucesso, o mundo seria dos cangurus".

Decisões tomadas por impulso são as que mais parecem certas.
Mas infelizmente, pessoas e empresas conhecem na pele os desastres causados por elas.
Mas... Sem impulso, nenhuma ave levanta vôo.
Sem impulso, nenhum avião decola.
Nenhuma bola atravessa o gol.

Por outro lado, nada é mais perigoso para a felicidade e a prosperidade do que decisões tomadas sem pensar.

Veja só:

Quando um jogador vai bater um pênalti, o que ele faz?
Fica ao lado da bola e sai como um louco pra dar um chute na hora em que o juiz apita../

O jogador e-s-p-e-r-a.... Respira fundo... Anda para trás um pouco,
d-e-v-a-g-a-r ... o-l-h-a para a barreira... o-l-h-a para o gol... Deixa a torcida rezando... Calibra a força... , respira fundo novamente... Foca... Calcula o ângulo e...num impulso poderoso arrancar gritos da galera....Chuta!

Existe uma razão para o jogador fazer tudo isso porque se ele seguir esse ritual, tem 1 chance em 4 de fazer o gol . Caso contrário tem 1 chance em 105 (sim, eu disse cento e cinco!)... E estaria fora...

A mesmíssima coisa acontece em sua vida. Cada decisão importante é um pênalti que você chutará para o gol. O que você prefere: 25% de chance de dar certo ou somente 0,95%? Use-os a seu favor.

Ninguém deve tomar uma decisão importante, antes de parar -
Focar e só então, decidir.. o impulso é a última ação, jamais a primeira. Impulso serve para impulsionar, não para decidir.

Quando os impulsos nos controlam, engordamos por comer tudo o que temos impulso em comer, ficamos sem dinheiro por comprar tudo o que temos o impulso em comprar e nos complicamos por fazer escolhas das quais nos arrependemos por muito tempo.

Mas existe um truque para usar o impulso, sem ser usado por ele. Simplesmente, inverta sua sequência de ações, aplicando o impulso depois, bem depois, da sua decisão, jamais antes.

segunda-feira, 22 de março de 2010

Pessoas que precisam de você


O mundo inteiro está cheio de pessoas...

Há pessoas caladas que precisam de alguém para conversar.

Há pessoas tristes que precisam de alguém que as conforte.

Há pessoas tímidas que precisam de alguém que as ajude vencer a timidez.

Há pessoas sozinhas que precisam de alguém para brincar.

Há pessoas com medo que precisam de alguém para lhes dar a mão.

Há pessoas fortes que precisam de alguém que as faça pensar na melhor maneira de usar a força.

Há pessoas habilidosas que precisam de alguém para ajudar a descobrir a melhor maneira de usar a habilidade.

Há pessoas que julgam que não sabem fazer nada e precisam de alguém que as ajude a descobrir o quanto sabem fazer.

Há pessoas apressadas que precisam de alguém para mostrar a elas tudo o que não têm tempo para ver.

Há pessoas impulsivas que precisam de alguém que as ajude a não magoar os outros.

Há pessoas que se sentem de fora e precisam de alguém que mostre para elas o caminho de entrada.

Há pessoas que dizem que não servem para nada e precisam de alguém que as ajude a descobrir como são importantes.

Precisam de alguém...
Talvez de você...

sábado, 20 de março de 2010

Uma Lição e tanto ...


Depois de uma grande tempestade, um menino que estava passando férias na casa do seu avô, o chamou para a varanda e falou:

- Vovô!! Me explica como esta figueira, árvore frondosa e imensa, se quebrou, caiu com vento com a chuva, e este bambu tão fraco continua de pé?

- Filho, o bambu permanece em pé porque teve a humildade de se curvar na hora da tempestade. A figueira quis enfrentar o vento.

O bambu nos ensina várias coisas.

A primeira verdade - e a mais importante - é a humildade diante dos problemas, das dificuldades. Ele se curva, é flexível...

O bambu cria raízes profundas.
É muito difícil arrancar um bambu, pois o que ele tem para cima ele tem para baixo também.
Todos nós os precisamos aprofundar nossas raízes...

Outra lição:
Você já viu um pé de bambu sozinho?
Apenas quando é novo, mas antes de crescer ele permite que nasça outros a seu lado sabe que vai precisar deles.

O bambu nos ensina olhar para o alto e não criar galhos.
Nós perdemos muito tempo na vida tentando proteger nossos galhos, coisas insignificantes que damos um valor inestimável.
Para ganhar, é preciso perder tudo aquilo que nos impede de subir.

O bambu é oco, vazio...

Enquanto não nos esvaziarmos de tudo aquilo que nos preenche, que rouba nosso tempo, que tira nossa paz, não seremos felizes.

E assim, olhando a natureza, o avô deu uma lição simples ao netinho e que pode servir para todos nós...

terça-feira, 16 de março de 2010

Quem é você?


Quem conhece os outros é um erudito.

Quem se conhece, é um sábio.

Você é alguém, pode ter certeza, porque Deus nunca desperdiça o seu tempo para fazer "ninguém".

Você foi planejado para ser distinto, especial, insubstituível, e único.

Pense nisso:
Dentre os mais de 6 bilhões de pessoas nesse mundo, não há duas que sejam iguais... Todos somos "originais"!
Mas muitos insistem em ser cópias dos outros.

Recuse ser uma cópia.
Avance além da média!
Você é muito mais do que 208 ossos, 500 músculos, 7 mil nervos e alguns quilos de pele.
Evite o mínimo, persiga o máximo.

As pessoas que têm medo de subir mais alto em busca do triunfo, são aquelas que perderam a confiança...
Ou que perderam a fé na sua capacidade.
Algumas nem percebem que têm potencial para fazer algo mais.

Se você não se ajuda a sair do marasmo quem ajudará?
Nem sempre dá pra fazer tudo...
Mas (nem por isso) se recuse a fazer algo que faça a diferença...

Não se esforce para ser aceito, mas lute para ser você mesmo.
Quantas coisas significativas deixamos de fazer na vida por achar que é tarde demais?

Tenha a força...
É preciso se convencer de que o sucesso,
o triunfo, está em você.

quarta-feira, 10 de março de 2010

PIADA


A loira não conseguia passar no teste para nenhum emprego. Resolveu tomar uma atitude extrema para ganhar dinheiro:
- Vou seqüestrar uma criança! - pensou! Com o dinheiro do resgate eu resolvo a minha vida...
Ela encaminhou-se para um playground, num bairro de luxo, viu um menino muito bem vestido, puxou-o para trás da moita e foi logo escrevendo o bilhete:
"Querida mãe isto é um seqüestro. Estou com seu filho. Favor deixar o resgate de R$10.000,00, amanhã, ao meio-dia, atrás da árvore do parquinho. Ass: Loira seqüestradora "
Então ela pegou o bilhete, dobrou- o e colocou no bolso da jaqueta do menino, dizendo:
- Agora vai lá e entrega esse bilhete para a sua mãe.
No dia seguinte, a loira vai até o local combinado. Encontra uma bolsa. Ela abre, encontra R$10.000,00 em dinheiro e um bilhete junto,dizendo:
"Está aí o resgate que você pediu. Só não me conformo como uma loira pôde fazer isso com outra..."

segunda-feira, 8 de março de 2010

O coração mais BELO


Um jovem que estava no centro de uma pequena cidade, contava pra quem quisesse ouvir que tinha o coração mais belo da região.
Uma multidão cercou o rapaz e admirou o seu coração.
Não havia marca ou qualquer outro defeito.

Todos concordaram que aquele era o coração mais belo que já tinham visto.
Até que, de repente, um velho apareceu diante da multidão e disse:
Por que o coração do jovem não é tão bonito quanto o meu?

A multidão e o jovem olharam para o coração do velho, que batia com vigor, mas tinha muitas cicatrizes.

O jovem olhou para o coração do velho e falou:
O senhor deve estar brincando.
Compare nossos corações.
O meu está perfeito, intacto, e o seu é uma mistura de cicatrizes e buracos.

Sim, disse o velho.
O seu coração parece perfeito, mas eu não trocaria o meu pelo seu.
Cada cicatriz representa uma pessoa para a qual eu dei o meu amor.
Muitas delas também me deram um pedaço do próprio coração para que eu colocasse no meu.
Mas eu cultivo todas as cicatrizes porque me fazem lembrar do amor que compartilhamos.

O jovem ficou calado e lágrimas escorriam pelo rosto dele.
Aproximou-se do velho, tirou um pedaço de seu perfeito e jovem coração e ofereceu ao velho.

Em seguida olhou para o seu coração, agora imperfeito, porém mais belo que nunca. Os dois se abraçaram com carinho e o jovem concluiu:

Como deve ser triste passar a vida
com o coração intacto.

sábado, 6 de março de 2010

Tá Escrito / Grupo Revelação



Quem cultiva a semente do amor
Segue em frente não se apavora
Se na vida encontrar dissabor
Vai saber esperar sua hora

As vezes a felicidade demora a chegar
Aí é que a gente não pode deixar de sonhar
Guerreiro não foge da luta, não pode correr
Ninguém vai poder atrasar quem nasceu pra vencer

É dia de sol mas o tempo pode fechar
A chuva só vem quando tem que molhar
Na vida é preciso aprender, se colhe o BEM que plantar
É Deus quem aponta a estrela que tem que brilhar

Ergue essa cabeça, mete o pé e vai na fé
Manda essa tristeza embora
Basta acreditar, um novo dia vai raiar
Sua hora vai chegar

sexta-feira, 5 de março de 2010

A FELICIDADE EXIGE VALENTIA


Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes mas, não esqueço que a minha vida é a maior empresa do mundo, e posso evitar que ela vá a falência.

Ser feliz ...

É reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise ;

É deixar de ser vítima dos problemas e tornar-se um autor da própria história ;

É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no interior da sua alma ;

É agradecer a Deus em cada manhã pelo milagre da vida;

É não ter medo dos próprios sentimentos ;

É saber falar de si mesmo ;
É ter coragem para ouvir um "não" ;
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta .

"Pedras no caminho?
Guardo todas, um dia vou construir um castelo..."


( Fernando Pessoa )

quarta-feira, 3 de março de 2010

CORAGEM ...


A coragem não consiste em arriscar sem medo.

Ao contrário!

É preciso estar convicto do que se quer para se ter coragem de agir.

Coragem, também, não se traduz por agressividade ou atitudes intempestivas.

Na verdade, a coragem tem no seu bojo virtudes como serenidade, paciência, amabilidade e solidariedade.

Para entender melhor, podemos classificar a coragem em vários tipos:

A coragem física: para enfrentar situações de perigo que coloquem sua vida em risco.

Coragem de convicção: não ter medo de aceitar e propagar as suas crenças.

Coragem moral: é aquela capaz de fazer você optar pelo que é ético e justo, mesmo contrariando pessoas influentes ou até o seu círculo de amizades.

Coragem solidária: é a coragem de se envolver com as necessidades dos outros.

Isso mesmo: amar o próximo requer muita coragem, sim!

Existe ainda a coragem emocional, para lidar com circunstâncias dolorosas e adversas da vida.

A coragem de criar, sem medo de inovar, de quebrar a rotina, de mudar a maneira de ver as coisas.

E o mais elevado grau de coragem, a coragem de perdoar, difícil de ser encontrada em qualquer pessoa.

Dar a outra face para o inimigo é um ato que requer coragem e amadurecimento.

E você, é uma pessoa de coragem?

Então ACORDE ...

Porque vida, em si, já é um ato de coragem!

sábado, 23 de janeiro de 2010

A VERDADEIRA ALEGRIA CONSISTE EM EXPRESSAR O AMOR


Manifeste agora, com coragem, o amor que existe dentro de você.
Não basta ter amor no coração; se não o expressar, não poderá sentir alegria.
Existem muitas pessoas que, embora tenham amor no coração, não o manifestam plenamente.
Por isso, recomendo:
“Manifeste mais o amor que existe dentro de você. Assim, sentirá a alegria de viver e sua vida se tornará maravilhosa”.